Uma Típica Aula de Inglês Comigo

Ensinar inglês em particular é diferente de ensinar em uma escola. Eu ensino inglês desde 2013 e percebi o que meus alunos querem, o que eles não recebem das aulas de inglês nas escolas e como tornar seu aprendizado do idioma o mais eficiente possível. Então, depois de ensinar mais de 2.500 aulas de inglês para brasileiros, é assim que minha aula típica de inglês é executada.

A Primeira Aula de Inglês é Gratuita.

Se você fizer uma aula de inglês comigo, a primeira é sempre gratuita. Eu acho que a maioria dos professores faz isso. Eu faço isso porque, em vez de responder a muitos e-mails e mensagens no WhatsApp sobre minha metodologia, o mais fácil para mim é ter uma aula de 60 minutos com o aluno. Ele pode então decidir se quer ter mais aulas. Você pode entrar em contato comigo sobre as aulas aqui.

Depois de ensinar tantos brasileiros, sei que erros eles cometerão antes de cometê-los! Eu também ensinei sobre e corrigi esses erros muitas vezes, então sinto que meu método de ensino agora é muito bom. Também falo um pouco de português, o que me ajuda a entender por que as pessoas que falam português estão cometendo esses erros e mostrar como corrigi-los.

Antes da primeira aula, eu digo aos alunos que eles falarão bastante. Então eles podem se preparar um pouco ou, pelo menos, pensar sobre o que vão dizer, dessa forma não é um choque para eles quando vêm para a aula. Eles podem falar comigo sobre seu estudo, seu trabalho, cidade natal, família, notícias, esporte, música, filmes ou até fofocas. Não importa. O importante é que eles pratiquem a fala e eu possa ver o nível de inglês deles.

Se eles forem tímidos, eu faço perguntas para instigá-los a falar. “Tell me about your job”, “Tell me about your English studies”, “Tell me about your hometown”, “What are your hobbies or pastimes?”, “What movies do you like?”

Notas Para Estudar Inglês

Então faço anotações no meu laptop. Essas anotações geralmente são erros, embora eu escreva alguns exemplos de bom inglês também. Em geral, eu apenas ouço o aluno e faço anotações. Eu tento não falar muito. O aluno está pagando para praticar o seu discurso, não para me ouvir falando. Sim, também pode ser bom praticar ouvindo, mas o aluno pode fazer isso em casa sozinho, não quando está pagando pelo tempo de um professor particular.

Quase todos os estudantes querem praticar sua fala porque não têm a chance de falar tanto em suas aulas na escola ou, cada vez mais, porque precisam disso para o trabalho ou para seus estudos.

Então, se houverem muitos erros ou pontos de gramática em minhas anotações para essa aula, pararei após cerca de 30 minutos, depois ensinarei a gramática e corrigirei erros ou responderei a perguntas por 30 minutos. Se não houverem muitos erros, pararei depois de 45 minutos.

Eu acho que 99% dos alunos não usarão corretamente o Present Perfect. Essa é a parte mais difícil do inglês para as pessoas que falam português. Eu vejo muitas lições online e em livros explicando isso, mas acredito que elas não são boas o suficiente.

Depois de ensinar mais de 50 alunos em aulas particulares, desenvolvi meu próprio método que funciona melhor para as pessoas que falam português. Levam 60 minutos para ensinar, mas provavelmente farei a aula novamente talvez 3 ou 6 meses depois, ou mesmo um ano depois, só para refrescar a memória do meu aluno sobre por que e quando usar o Present Perfect junto com estratégias para ajudá-los.

Toda esta aula de 60 minutos é descrita em detalhes no meu livro, que você pode comprar aqui por €12. Na verdade, a maioria dos erros cometidos pelos estudantes estão no meu livro, e é por isso que o escrevi, pode ler mais sobre meu livro aqui e também pode ler um amostra de livro aqui.

Depois de ensinar gramática, corrigir erros e responder perguntas, a aula acabou e, isso é muito importante, eu envio as minhas anotações por e-mail para o aluno para que ele possa estudá-las. É um fato da vida que você provavelmente cometerá os mesmos erros repetidas vezes e, eventualmente, se estudar em casa depois da aula, os eliminará.

Abreviações Usadas em Minha Aula de Inglês

Eu também uso abreviações em minhas anotações para ajudar os alunos, elas são:

[port] = você está traduzindo diretamente do português, mas isso cria um erro em inglês. O exemplo clássico é que I have 23 years = I am 23 years old

[prn] = erro de pronúncia. Em geral, os brasileiros têm uma pronúncia muito boa! Por isso não precisa se preocupar, muitos alunos se preocupam e portanto é algo que eu mantenho nota. Mais uma vez, eu falo sobre isso em meus livros e neste post aqui onde você pode ouvir alguns erros comuns e a pronúncia correta.

[PP] = um erro relacionado ao Present Perfect.

[Nativo] = Um aluno pode dizer algo que usa o inglês correto, não há nada de errado com ele, mas não é como um nativo o dirá. Os nativos podem usar algo informal, possivelmente usar algumas gírias ou expressões ou é só uma maneira mais comum de dizer alguma coisa.

[Formal], [Informal] = semelhante ao native acima. Eu costumo colocar estas palavras ao lado de formais ou informais.

[good] ou [fine] = vou colocá-las nos exemplos de bom inglês. Não quero que as anotações sejam apenas sobre os seus erros!

[Opp] = oposto, por exemplo, “to pass an exam, to fail [opp]”

Um Exemplo das Minhas Anotações Sobre os Alunos

Suponhamos, estamos na nossa aula grátis e o aluno está se apresentando, ele diz sua idade mas diz dessa forma I have 23 years.

Eu escrevo algo assim nas minhas anotações:

I have 23 years. =

Corrigimos os erros na segunda parte da aula. Se estivermos a aula pessoalmente, o aluno se sentará ao meu lado e nós dois olharemos para as anotações no meu laptop juntos. Se estivermos fazendo a aula pelo Skype, eu enviarei o documento do Word para que ele possa consultá-lo.

Então eu pergunto “Can you see a problem here?”

Se ele não identificar o problema, então posso escrever algo como:

I have 23 years [port] =

Ou eu poderia perguntar a ele “is that Portuguese?” através do Skype.

Eu coloco [port] como uma dica para ajudá-los a perceber que o erro é porque estão traduzindo diretamente do Português.

Então, com sorte, eles saberão a resposta correta, senão precisarei ensiná-los um pouco mais. Podemos dar uma olhada em alguns links, em meus próprios livros ou em um livro de gramática. Você pode ver quais livros de gramática eu uso na aula aqui.

Então a anotação final será assim:

I have 23 years [port] = I am 23 or I am 23 years old

Então, no final da aula, cada erro está sempre à esquerda e tem um rasurado, como este. A resposta correta está à direita, como no nosso exemplo.

Quando a aula terminar, enviarei as anotações com correções novamente para o aluno, para que elas possam estudá-las.

Notas completados

Minha Metodologia

Esse é o método que uso na minha aula de inglês, eu mesmo que o desenvolvi e meus alunos o preferem. Em geral, eu não sou um professor adequado para iniciantes, meu português não é bom o suficiente para ser capaz de explicar as coisas claramente.

Eu gosto de ensinar os alunos que querem praticar a fala, por isso mesmo um iniciante médio estará bem, desde que possa formar frases básicas e queira falar, tudo bem. Mas a chave é entrar em aula e começar a falar. Deve ser uma conversa natural e se você não consegue pensar em nada para dizer, eu sempre acho que a melhor coisa é falar sobre algo nas notícias. Eu passo mais tempo do que devia vendo as notícias, pois é algo que me interessa bastante.

A maioria dos alunos faz uma aula por semana. Se couber no seu orçamento, eu recomendo duas aulas por semana, você notará uma enorme diferença. Costuma ser uma boa ideia espaçar as aulas, fazer uma na segunda e outra na quinta, por exemplo, ou talvez nas terças e sextas-feiras, sempre espaçadas, você não vai querer ter aulas em dias consecutivos, como terça e quarta-feira.

Eu não acho que seja necessário ter mais de 2 aulas por semana. No entanto, se couber no orçamento, vá em frente! Além disso, lembre-se de ficar de olho nas aulas de conversação em sua região para praticar também.

No entanto, sempre farei o que o aluno quiser em aula. Eu tenho alguns alunos que ainda gostam de usar um livro tradicional como o Market Leader ou Global ou o Cambridge FCE e tudo bem também.

 

Espero que isso lhe dê uma boa ideia da minha metodologia preferida, se você tiver alguma dúvida ou comentário, publique-os e eu farei o meu melhor para respondê-los.

Click here to add a comment

Leave a comment: